3.16.2014

green

sim estão na moda. e é fácil encontrá-los em tags como #smoothies, #detox.
há milhares de blogs a falarem sobre o assunto com centenas de receitas possíveis.

não, não passei a beber porque estão na moda.
quem me conhece sabe que há muito a alimentação é uma preocupação na minha vida.

não se prende a dietas muito pelo contrário. faço asneiras, sim. mais do que gostaria, mas procuro compensá-las todos os dias.

obrigada Julieta pelo movimento em que te empenhaste, mais fácil do que este "A portrait of my children, once a week, every week in 2014"

ao fim de 13 anos a viver paredes meias com o campo contam-se pelos dedos das mãos as caminhadas que fiz por estes terrenos.

o dia pedia um passeio e foi a nossa, estreia a apanhar espargos.

impunha-se perceber como era a planta-mãe. depois foi o olhar atento (meu e do M.) de quem o fazia pela primeira vez.


e não se comparam com a última braçada que nos ofereceram.

mas ontem tiveram outro sabor.

para o M. contou a experiência e a vontade de ser ele a preparar um jantar.

mergulhou no livro de Maria Antónia Goes, e porque a falta de tempo assim o obriga ficam prometidos ovos mexidos com espargos para o jantar de terça feira.

- Mãeeeee temos ovos?
- Sim,
(ida dele ao frigorífico)
- Só temos 6 e a receita diz 6 a 8 ovos.
- Se for preciso compramos mais, mas chega.

- Mãeeeee temos dois dentes de alho picados?
- Sim temos alhos.
- Mas picados?
- Não, picam-se na altura.

-  Mãeeeee temos bom azeite?
é que aqui diz que tem de ser um bom azeite.
- Manuel por enquanto ainda vivemos no Alentejo...

e há dias assim longe de quatro paredes, de exposições, de livros.

porque também fazem bem.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...